Cancelar
Acesso CNTV

Evento que vai até quarta-feira, debate novas formas de organização do movimento sindical

04Jul

Em ) - a al BA

A Conjuntura Nacional foi intensamente debatida no 1º Seminário Nacional do Macrossetor Serviços da Central Única dos Trabalhadores (CUT), iniciado nesta terça-feira (3), na sede do Departamento de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (Dieese), em São Paulo (SP).

O Macrossetor Serviços é um dos quatro criados pela CUT para fortalecer lutas e ações comuns dos trabalhadores das respectivas categorias. Os outros três são Indústria, Serviço Público e Trabalhadores Rurais. Além da Contraf-CUT, participaram do grupo a Confederação Nacional dos Trabalhadores e Trabalhadoras no Comércio e Serviços da CUT (Contracs), a Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj), a Confederação Nacional dos Vigilantes e Prestadores de Serviços (CNTV), a Federação Nacional dos Trabalhadores em Processamento de Dados (Fenadados), a Federação Interestadual dos Trabalhadores em Radiodifusão e Televisão (Fitert) e a Confederação Nacional dos Trabalhadores em Transporte e Logística (CNTTL).

Depois da apresentação “O Brasil que o povo quer”, feita por Artur Henrique, da Fundação Perseu Abramo, e por Ludmilla Costhek Abílio, Pós-doutora pela FEA-USP, os representantes dos ramos do macrossetor apresentaram propostas de temas gerais e comuns aos ramos profissionais, com a finalidade de ampliação das ações políticas, fruto de debates realizados em plenárias nacionais e congressos da CUT.

Para Vinicius Assumpção, vice-presidente da Contraf-CUT, o grande objetivo deste seminário é debater novas formas de organização do movimento sindical. “Buscar ações em conjunto com os trabalhadores do setor de serviços, para fortalecer a capacidade de enfrentar os grandes desafios que a classe trabalhadora terá pela frente.”

Na parte da tarde, Adriana Marcolino, socióloga e técnica da subseção Dieese-CUT, apresentou um panorama do Macrossetor.

Antes de terminar os trabalhos do dia, a coordenação do Macrossetor promoveu um debate para a construção efetiva do Macrossetor da CUT.

Fonte: Contraf-CUT

0 comentários para "Evento que vai até quarta-feira, debate novas formas de organização do movimento sindical"
Deixar um novo comentário

Um valor é necessário.

Um valor é necessário.

Um valor é necessário.Mínimo de 70 caracteres, por favor, nos explique melhor.