Cancelar
Acesso CNTV

Em PE, polícia da Paraíba prende acusado de assaltar bancos no NE

10 Jul

A Polícia Civil da Paraíba informou, nesta segunda-feira (09), a prisão de um homem acusado de liderar uma quadrilha de assaltantes de banco com atuação na região Nordeste. A ocorrência foi no último sábado (07), em Petrolina, no Sertão de Pernambuco, quando ele estava saindo de uma casa para comprar um carro.

O homem foi detido em cumprimento a um mandado de prisão relativo ao assalto à agência do Banco do Brasil de Aroeiras, no Agreste da Paraíba, ocorrido em março deste ano, expedido pela Justiça local. Ele está na carceragem da 2° Delegacia Regional da Polícia Civil de Campina Grande e será transferido nesta terça-feira (10) para o presídio da cidade paraibana.

Segundo o titular da Delegacia de Roubos e Furtos de Campina Grande, Henry Fábio, responsável pelo caso, o homem tem cinco acusações e uma condenação da Justiça paraibana por assaltos a banco no estado. De acordo com as investigações da Polícia Judiciária, ainda há indícios da participação em crimes no Ceará, Bahia, Tocantins e Maranhão.

O delegado informou que o homem, natural de Campina Grande, estava foragido da
Penitenciária de Petrolina, onde cumpria pena em regime semiaberto. Ele foi condenado a 45 anos de reclusão por assalto a um banco de Juazeirinho, na Paraíba, ocorrido em 2005.

Naquele ano, ele foi preso pela Polícia Federal na zona rural de Juazeirinho, junto com outras 12 pessoas, entre elas dois paraibanos e oito pernambucanos. Na ocasião, foram encontrados com a quadrilha oito fuzis e mais de mil munições, além de coquetéis molotov e dinamite.

“Ele assaltou o banco de Aroeiras logo após ter sumido da Penitenciária de Petrolina. Há informações que, neste tempo, ele também teria participado de um assalto a um banco na Bahia, no último dia 03 de maio, quando um guarda municipal foi morto ao tentar evitar a ação. Ele nega a participação, mas tudo indica que isso realmente aconteceu porque o crime teve o mesmo modus operandi de outros assaltos que ele esteve envolvido, como reféns colocados em cima do capô e nas janelas do carro na fuga”, disse Henry Fábio.

Segundo o delegado, o suspeito era alvo prioritário da polícia paraibana. “Além do assalto ao banco de Aroeiras, ele também roubou a lotérica do shopping de Campina Grande e uma agência bancária do banco da Unimed. Em depoimento, ele contou que já participou de 20 assaltos a bancos no Nordeste. Ele afirmou que era responsável por fornecer armamento. Por ser o articulador dos crimes, ele sempre ficava com a maior parte do dinheiro”, falou.

0 comentários para "Em PE, polícia da Paraíba prende acusado de assaltar bancos no NE"
Deixar um novo comentário

Um valor é necessário.

Um valor é necessário.

Um valor é necessário.Mínimo de 70 caracteres, por favor, nos explique melhor.