Cancelar
Acesso CNTV

Sindicato dos Vigilantes de Joinville é barrado no Presídio Regional

26 Jan

O Sindicato dos Vigilantes de Joinville tentou fazer uma vistoria no Presídio Regional de Joinville, na tarde de terça-feira, para conferir as condições de trabalho. A operação não teve sucesso porque a diretoria do presídio proibiu a entrada dos sindicalistas. Segundo o presidente do sindicato, Sílvio Kammer, há 120 vigilantes trabalhando no Presídio Regional de Joinville, e a entidade recebeu denúncias de más condições de trabalho.

— Os vigilantes estão reclamando da precariedade dos banheiros, da falta de armários para guardar objetos e do trabalho de vigilância realizado na parte superior do presídio. Lá, eles trabalham embaixo de sol e chuva.

Segundo o diretor do presídio, Cristiano Teixeira da Silva, o sindicato não enviou um ofício solicitando uma reunião e, por isso, ele não poderia permitir a entrada.

— Esta é uma questão que não diz respeito ao Deap. Não tenho autorização para recebê-los sem uma solicitação legal—, explicou.

0 comentários para "Sindicato dos Vigilantes de Joinville é barrado no Presídio Regional"
Deixar um novo comentário

Um valor é necessário.

Um valor é necessário.

Um valor é necessário.Mínimo de 70 caracteres, por favor, nos explique melhor.